terça-feira, 14 de julho de 2009

Obesidade x Genética x Comportamento - Publicado por Jairo Len

Estudo identifica relação entre obesidade em pais e filhos do mesmo sexo.
Um estudo feito pela Peninsula Medical School, em Plymouth, na Inglaterra, e publicado na revista científica "International Journal of Obesity", envolvendo 226 famílias, revelou que há maior probabilidade de que a filha de uma mãe obesa seja obesa e de que o filho de um pai obeso seja obeso. O vínculo não existiria, porém, entre filhas e pais ou filhos e mães.
Mães obesas apresentaram dez vezes mais probabilidade de ter filhas obesas.
Entre pais e filhos, a probabilidade foi seis vezes maior.
Nos dois casos, crianças do sexo oposto não foram afetadas.
Os pesquisadores acham que a explicação está em uma forma de "simpatia comportamental", onde filhas copiam o estilo de vida da mãe e filhos copiam o dos pais.
Os especialistas concluíram que 41% das meninas de oito anos de idade cujas mães eram obesas também eram obesas. O índice caiu para 4% em filhas de mães que não eram obesas.
Entre meninos, 18% daqueles que tinham pais obesos eram também obesos. O índice caiu para 3% em meninos cujos pais tinham peso normal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço todos os comentários!
De acordo com normas do Conselho Federal de Medicina, determinadas orientações só podem ser feitas após consulta médica ou avaliação/seguimento - portanto não posso responder perguntas detalhadas e individualizadas neste canal.
Obrigado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.