sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Fique Zen...- Postado por Jairo Len

No dia-a-dia da Clínica, nos telefonemas e nos e-mails, muitas vezes eu peço para as mães, ao se depararem com algumas reações de seus filhos (inapetência seletiva, birras, provocações...), terem MUITA paciência, terem postura zen-budista.
Ontem uma mãe me perguntou exatamente o que era ser zen-budista.
Disse para ela que é mais uma "força de expressão" do que uma postura filosófica ou religiosa, até porque não sou budista e não pratico, pelo menos voluntariamente.
Mas fui dar uma pesquisada na filosofia zen-budista. Como a idéia não é fazer um tratado de religião, vou transcrever algumas paravras da famosa monja Coen, sobre o que é ser uma monja zen-budista:

"O que é ser uma monja? É ser. É servir. É meditar. É orar. É aprender. É ensinar"
Sempre com um texto "leve como a brisa e pesado como a tempestade", "Budas são leves como borboletas, pesados como chumbo. Cada um de nós é manifestação da Terra. A vida de todos os seres da Terra se manifesta em cada um de nós", ensina.
"Ser zen não é ficar numa boa o tempo todo, de papo para o ar, achando tudo lindo sem fazer nada. Ser zen é ser ativo. É estar forte e decidido. É caminhar com leveza, com certeza. É auxiliar a quem precisa, no que precisa e não no que se idealiza."

Não é exatamente o que eu quero pedir para as que mães façam nos momentos de ira, mas seguir estes mandamentos não faz mal a ninguém...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço todos os comentários!
De acordo com normas do Conselho Federal de Medicina, determinadas orientações só podem ser feitas após consulta médica ou avaliação/seguimento - portanto não posso responder perguntas detalhadas e individualizadas neste canal.
Obrigado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.