sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Suplementos Contaminados - Postado por Jairo Len

Com frequência recebo e-mails e telefonemas de mães e pais preocupados porque seu filho adolescente (14 a 16 anos, mas precisamente) está fazendo academia e o professor (???) recomendou algum tipo de suplemento vitamínico ou alimentar...
Dar ou não dar, eis a questão.
Em geral recomendo não dar. Os suplementos só são indicados para as pessoas que fazem treinamento físico extenuante, profissional (os chamados "atletas de alta performance"). Não para os simples mortais que querem um pouco mais de resistência física ou um pouco de músculos. E esta indicação, para os atletas profissionais, deve ser feita por nutricionistas experts no assunto.

Mais um agravante
Uma estimativa apresentada no 29º Congresso Brasileiro de Endocrinologia e Metabologia mostra que 20% destes produtos contém substâncias proibidas, escondidas e misturadas na sua composição. Como hormônios anabolizantes, sibutramina, esteróides, estimulantes e diuréticos... O índice é mundial, não exclusivo do Brasil.
O que ocorre é que suplementos alimentares são isentos de obrigatoriedade de registro sanitário na Anvisa. O órgão classifica os produtos como alimento, e não medicamento. Não há controle.
Não tente comprar balinha Valda ou barra de fibras na farmácia, porque a Anvisa proíbe. Mas pode comprar suplementos alimentares turbinados com testosterona que a Anvisa não liga, não...

O ideal, portanto, é que estes suplementos não sejam usados pelos adolescentes. Em caso de indicação, procurar sempre produtos de laboratórios mais confiáveis (exemplo: a Nutrilatina) e sempre orientado por nutricionistas.
Salve-se quem puder.
Muito cuidado: O que será que tinha no suplemento?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço todos os comentários!
De acordo com normas do Conselho Federal de Medicina, determinadas orientações só podem ser feitas após consulta médica ou avaliação/seguimento - portanto não posso responder perguntas detalhadas e individualizadas neste canal.
Obrigado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.