quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Refrigerantes Zero e Derrames - Postado por Jairo Len

Dentro do meu liberalismo alimentar (acho que as crianças podem comer de tudo indicado para a faixa etária, sem neurose, desde que o alimento não seja prejudicial ao estado nutricional de cada criança), sempre falo para os pais que a única coisa que devemos tentar evitar são os refrigerantes, diet/zero/light ou não.
Se uma bala de goma não agrega, pelo menos não contém excessos de sódio nem cafeína.
Alguns pais se declaram "viciados" em refrigerantes (em geral, Coca-Cola) e confessam que seus filhos vão pelo mesmo caminho. Com 1 ano e 2 meses sabem falar "papá", "mamã", "bó" (de bola) e "cuca" (de Coca-Cola).
Um copo (240 ml) de Coca-Cola normal contém 46 g de carboidratos, 15% do que um adulto precisa por dia. Dobre isso (30% dos carboidratos diários) ao dar para uma criança. Contém também 25 mg de cafeína e 15 mg mg de sódio.
Se for Zero/Light/Diet, o sódio sobe para 28 mg por copo.
É baseado nestas informações sobre a quantidade de sódio e observação de milhares de pessoas que Hannah Gardener, da Universidade de Miami, conclui que "o consumo diário de refrigerantes diet pode elevar em 61% o risco de eventos vasculares, como derrames e infartos".
"Se os nossos resultados forem confirmados em estudos futuros, será possível concluir que os refrigerantes diet não são bons substitutos para as bebidas adoçadas na prevenção de eventos vasculares", afirma".

Como sempre recomendo: aos adultos, moderação. Evidente que tomar refrigerantes de vez em quando não faz mal para os adultos.
Para as crianças e adolescentes, evite refrigerantes no dia-a-dia. Converse na escola, que não deveria vender estes produtos. Água, água de coco ou sucos naturais são melhores exemplos para a ''cantina" da escola vender. Na festinha infantil, só roda refrigerantes... Alguns buffets infantis ainda oferecem sucos - mas vocês sabem o que penso dos sucos prontos e sucos de caixinha, tema de posts antigos...
Mas isso é outra história...
Me parece que a lavagem cerebral vem de bastante tempo atrás...

Um comentário:

  1. Olá Dr. Jairo,

    Achei ótimo suas publicações no blog. Parabéns!!!

    Ana Carolina
    Nutricionista

    ResponderExcluir

Agradeço todos os comentários!
De acordo com normas do Conselho Federal de Medicina, determinadas orientações só podem ser feitas após consulta médica ou avaliação/seguimento - portanto não posso responder perguntas detalhadas e individualizadas neste canal.
Obrigado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.