segunda-feira, 30 de maio de 2011

Bruxismo - Postado por Jairo Len

Nome exquisito, doença comum que afeta 15% da população.
Bruxismo vem do grego "brikmós", que significa ranger os dentes.
Pode começar bem cedo, quando os bebês tem poucos dentes e fazem barulhos bem altos ao rangê-los, e pode ser estender por toda a vida, dependendo da causa.
As causas do ranger de dentes são de origem odontológica ou psicológica, emocional.
Má oclusão dentária, mordidas cruzadas, obturações irregulares. Assim como stress, ansiedade, tensão, uso de estimulantes (café, álcool) antes de dormir, personalidades do" tipo A" (competitivas, agressivas).
Crianças enfrentando períodos de respiração oral (por rinite, aumentos das adenóides ou amígdalas) também podem ranger mais os dentes.
Nos bebês, o bruxismo simplesmente ocorre porque a arcada está se formando a a oclusão se ajustando. Não há relação entre bebês que rangem dentes e adultos com bruxismo.

O bruxismo, além de ser por si só um sintoma de algumas patologias, pode trazer mais problemas para os dentes e a saúde: desgaste de esmalte, micro-fraturas, danos em obturações, dores de cabeça, dores faciais e problemas na articulação têmporo-mandibular.
Enfim, um círculo vicioso que deve ser avaliado e tratado com cuidado.

O médico (pediatra ou clínico) deve avaliar e fazer os encaminhamentos necessários. A avaliação odontológica é fundamental. O dentista vai fazer as devidas correções locais, se necessárias. Nós vamos avaliar e tratar a parte emocional, respiratória e propor métodos de tornar as noites mais tranquilas.
E na maioria das vezes não há necessidade de se fazer nada.

Eterno clássico da sabedoria popular, a associação entre bruxismo e verminoses nunca foi comprovada cientificamente - e inúmeros estudos sérios já foram realizados tentando relacioná-los.

Um comentário:

  1. Prezados, neste mês de setembro lançaremos no Brasil um produto patenteado mundialmente chamado Alivi. O Alivi é um dispositivo intraoral com sistema vibratório, para ser usado durante o sono, indicado para o controle e tratamento de bruxismo, dores de cabeças tensionais e disfunções temporomandibulares (DTM); sempre com a indicação de um dentista. Se o paciente, durante o sono, ranger os dentes ou apertar além do limite funcional o sistema emite uma vibração. A vibração provoca um efeito de “biofeedback” que condiciona o paciente não apertar os dentes, com força, promovendo assim um relaxamento muscular. Após um período inicial, seu uso poderá ser reduzido parcial ou totalmente, de acordo com a avaliação do dentista. Consultem o site www.alivi.com.br

    ResponderExcluir

Agradeço todos os comentários!
De acordo com normas do Conselho Federal de Medicina, determinadas orientações só podem ser feitas após consulta médica ou avaliação/seguimento - portanto não posso responder perguntas detalhadas e individualizadas neste canal.
Obrigado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.