segunda-feira, 16 de maio de 2011

Mãe é mãe - Postado Por Jairo Len

Falando um pouco mais sobre as mães...
Hoje li uma notícia interessante, comprovando que as alterações no cérebro materno durante a gravidez podem se tornar uma "nova anatomia" - o cérebro muda, estruturalmente, para sempre.
Pilyoung Kim, uma neurocientista do Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos, junto com pesquisadores da Universidade Yale e da Universidade de Michigan produziram mapas detalhados do cérebro de 19 mulheres poucas semanas depois de elas terem dado à luz.
O mapeamento cerebral foi repetido 3 meses depois.
Algumas áreas, incluindo hipotálamo e substância negra (regiões que estão associadas à preocupação, ao aprendizado e à formação de sentimentos positivos relacionados aos recém-nascidos) haviam se expandido. Também foi verificado um aumento do córtex pré-frontal, ligado ao planejamento e à capacidade de tomar decisões.

Os cientistas não sabem se a gravidez e a embebição gravídica (retenção de líquidos) é o que causou a mudança no cérebro, se são as fortes emoções que causaram isso ou se é a combinação das duas coisas. Os resultados, porém, indicam que pela primeira vez foi detectada uma relação entre sensações subjetivas das mães e alterações físicas cerebrais.
Os cientistas agora querem saber se o mesmo (em menores proporções) ocorre com os pais.
Fonte: Scientific America

Não é só o corpo que talvez nunca volte a ser o mesmo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço todos os comentários!
De acordo com normas do Conselho Federal de Medicina, determinadas orientações só podem ser feitas após consulta médica ou avaliação/seguimento - portanto não posso responder perguntas detalhadas e individualizadas neste canal.
Obrigado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.