quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Sarampo... - Postado por Jairo Len

Soube ontem, a partir de uma mãe cujos filhos estudam no mesmo colégio aonde houve um caso de Sarampo, que a criança de 5 anos que teve a doença não havia sido vacinada contra a doença.
Os pais, médicos homeopatas, sabe-Deus-porque, não achavam que sua filha precisava receber as doses da vacina.
Ou seja, por causa de uma decisão esdrúxula dos pais/médicos (não vacinar), a criança correu risco de morte (1:1000) e muitos adultos também.

Acharam, talvez, que ainda estavam em 1810, duzentos anos atrás, quando o pai da homeopatia, Samuel Hahnemann, escreveu o Organon, a grande obra deste tipo de medicina alternativa.

Nesta semana tive uma primeira consulta cujo ex-pediatra, antroposófico (???), também contra-indicou as vacinas. Os pais, ouvindo noticiários sobre meningite C (matando na Bahia), foram contra a teoria de homicídio-doloso do pediatra e vacinaram sua filha, que, a partir dos 7 meses de idade, iniciou a vacinação.

Eu acho que gente assim (os médicos) deveriam ser investigados pelo CRM, deveriam fazer cursos de reciclagem (hoje começa, inclusive, o congresso nacional da Sociedade Brasileira de Imunizações) e se ainda mantivessem essa postura tacanha de contra-indicar vacinas do calendário oficial de imunuzações, devem ser afastados da profissão.

"Em que faculdade eu aprendi que não se deve vacinar?"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço todos os comentários!
De acordo com normas do Conselho Federal de Medicina, determinadas orientações só podem ser feitas após consulta médica ou avaliação/seguimento - portanto não posso responder perguntas detalhadas e individualizadas neste canal.
Obrigado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.