terça-feira, 14 de agosto de 2012

Megavacinação em São Paulo - Postado por Jairo Len

Neste sábado, dia 18, será realizada, aqui em São Paulo, uma "megacampanha" (SIC) de vacinação. A idéia é colocar a carteira de vacinação dos menores de 5 anos em dia.

A idéia é "louvável", uma vez que não existe uma continuidade na vacinação das crianças no decorrer dos primeiros anos de vida.
Motivo?
Postos de saúde que não funcionam em fins de semana, pouca importância dada pela carteira de vacinação, falta de auxílio para quem leva seu filho para vacinar (como por exemplo um vale-transporte ou uma licença no trabalho da mãe), mau atendimento em alguns postos (o descaso que sabemos que existe...), etc., fazem com que muitas crianças não estejam corretamente vacinadas nos primeiros anos de vida.
Como tudo no Brasil-público, é melhor "remediar".
O programa de vacinação poderia ser bem mais organizado. Para você ter uma idéia, a maioria dos postos não tem registros de vacinas aplicadas, de forma individual. Que deveria ser centralizada, registros on line. Não... Se a criança perde a carteira de vacina, não tem como recuperar os registros de vacinas aplicadas.
Da mesma forma que o governo controla seu CPF e cada centavo que você deixa de pagar, poderia ter um sistema de controle de vacinação.

Bom... De qualquer forma, o post é também para lembrar que as crianças que tem sua vacinação super-controlada e completa (principalmente as que fazem na rede privada, nas clínicas de vacinação) não precisam comparecer aos postos de saúde para a "megavacinação". 

Em relação às "duas novas vacinas" (Poliomielite inativada e Pentavalente), que o governo começou a fazer: elas já são "velhas conhecidas".
A rede particular de vacinação já realiza rotineiramente estas vacinas há mais de uma década, seguindo o padrão de orientação dos países civilizados no mundo que tem um mínimo de respeito pelas crianças.

4 comentários:

  1. queria saber se os postos de saúde vão oferecer a penta acelular?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não. A vacina, apesar de combinada, continua sendo de "célula inteira" em relação à coqueluche. Não á a acelular.

      Excluir
  2. Olá, gostaria de saber se esta penta que o governo vai oferecer é a acelular, ou seja, a que não dá reação na criança, ou para isso devo mesmo procurar uma clínica particular?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não. A vacina, apesar de combinada, continua sendo de "célula inteira" em relação à coqueluche. Não á a acelular.

      Excluir

Agradeço todos os comentários!
De acordo com normas do Conselho Federal de Medicina, determinadas orientações só podem ser feitas após consulta médica ou avaliação/seguimento - portanto não posso responder perguntas detalhadas e individualizadas neste canal.
Obrigado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.