sexta-feira, 5 de agosto de 2011

A boneca que mama no peito - Postado por Jairo Len

O título do post é literal. Nos EUA, foi lançada uma boneca que mama do peito das suas "mamães" (em geral, meninas de 3 a 10 anos). Polêmica em níveis superiores.
No kit da "Breast Milk Baby", uma camiseta para a menina vestir, que na altura das mamas tem um sensor: assim que a boneca é colocada lá, começa a sugar.
Eu não compraria uma destas para a minha filha.
Imagine que as discussões, por lá, chegaram aos programas de entrevistas na TV. O representante da marca que produz as bonecas defende que, no lugar de mamadeiras, "este é um modo natural das meninas cuidarem das suas bonecas/filhinhas". "Além de não desestimular o conceito de aleitamento materno quando as meninas oferecem mamadeiras às bonecas" (é para rir ou chorar? Xiitas da amamentação, quero ouvi-las!!!!).
Felizmente todos os formadores de opinião nos EUA, lúcidos, acham que este tipo de boneca estimula a sexualidade das meninas e põe a carroça na frente dos bois. Brincar é a coisa mais importante que uma criança pode e deve fazer, mas tudo tem limites. Imagine a Berjuan (fabricante da boneca) criando os papais e mamães da boneca, e o modo como eles se reproduzem para ter a bonequinha. Interativo...


Olha que gracinha...

5 comentários:

  1. Dr. Jairo,
    To chocada com sua posição com relação a essa boneca. Justo eu, que apesar de não ser sua paciente (não moro no Brasil), sigo seu blog e sempre recomendo seus posts as minhas amigas e leitoras.
    Discordo PLENAMENTE de sua posição. Amamentar não tem nada de sexual. Não estimula sexualidade nem aqui nem na China. Como é que vc pode comparar o ato da amamentação com o ato sexual entre os pais???
    Acho essa boneca totalmente normal, como a outra que faz xixi ou cocô. Não vejo absolutamente nada de errado.
    A malícia está na cabeça puritana, retrograda e atrasada das pessoas. Entendo isso numa sociedade como a americana, mas com você????
    Enfim, aí é que está a beleza das discussão saudáveis. Sempre alguém contra e sempre alguém a favor.
    Parabéns pelo blog e o trabalho.
    Paula

    ResponderExcluir
  2. Jairo,
    moro em NY, estive em contato com vc nas minhas ultimas ferias em Sampa... chega a ser RIDICULO!!!!
    O-DE-I-O Essas xiitas da amamentacao/maternidade... acho o parto natural (em casa) um ABSURDO! se pendura na arvore pra ter filho, suas macacas!
    e já que sao tao naturebas, quando tiverem CANCER, nao façam quimioterapia, pois isso é intervençao hospitalar, QUIMICA... tudo oque vcs sao contra.... e o cancer é uma doença natural do ser humano... LOUCAS!!!!

    AMEI seu post!
    parabens!

    ResponderExcluir
  3. Dr. Jairo, eu também achei bem esquisito essa da boneca amamentando no peito da menina. Daqui a pouco vão inventar uma boneca tendo um "bebê" via parto normal - já pensou?
    Também acho que colocar uma menina para "amamentar" uma boneca é atravesar, pular demais a infância, fazendo com que essa menina se sinta adulta, mulher e "responsável" demais! É como maquiar as meninas, colocar salto alto nelas, enfim, é fazer das meninas adultas fora de hora.
    Eu não compraria essa boneca para minha filha.
    Abço,
    Roberta

    ResponderExcluir
  4. Jairo , polêmica no ar!!!!adorei!!
    Adoro o blog da Paula (NY with kids),mas descordo nesse caso da opinião.
    Eu sou fã da amamentação, participei de vários grupos pela rede sobre o assunto e tenho orgulho de ter amamentado meus 2 filhos , 1 ano cada, e incentivo .
    Porém.....amamentar NÃO é uma brincadeira, é um ato para mulheres ,que já tiveram no mínimo uma relação sexual na vida. Achei um absurdo essa boneca, e não daria jamais para uma amiga(o) com filha. AMAMENTAR é para mães!!!!!!não para crianças.

    beijos,
    Bia

    ResponderExcluir
  5. Também achei estranhissima a idéia da boneca. Não precisa, né? A criança ainda não entende que o seio além de amamentar é visto de outra forma, ainda não deu para explicar nessa idade, então pra que usar dessa inocência, se não é hora ainda de explicar tudo que envolve colocar o seio de fora, como algumas pessoas encaram isso e todo o bla bla bla?

    ResponderExcluir

Agradeço todos os comentários!
De acordo com normas do Conselho Federal de Medicina, determinadas orientações só podem ser feitas após consulta médica ou avaliação/seguimento - portanto não posso responder perguntas detalhadas e individualizadas neste canal.
Obrigado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.