quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Limites da Ignorância - Postado por Jairo Len

Até onde chega a falta de limites e a ignorância humana?
Talvez muitos já leram a notícia, que para mim chegou além de qualquer limite...
"Pais perdem a guarda de filho após foto dele com cerveja ir para a web"
Aconteceu em Sarandi, no norte do Paraná.
A ex-companheira da mãe do menino postou uma foto no Facebook para mostrar os maus tratos dos pais em relação ao menino, que foi fotografado bebendo cerveja.
Pela foto, a criança não tem nem 2 anos..
"O pai defendeu-se dizendo que "achou que era refrigerante com espuma", mesmo com uma garrafa de cerveja de um litro posicionada em cima do carrinho do bebê, na foto, no lugar destinado à mamadeira.", segundo reportagem do G1.
Na reportagem há um monte de outros fatos, réplicas e tréplicas..., o que pouco importa.

A falta de noção sobre o que oferecer aos filhos rendeu aos pais a perda da guarda e um processo judicial aonde podem pegar até 4 anos de cadeia (salvo que tenham os bons advogados criminalistas que estão tanto na mídia...).

Quanto a fotografar, e quanto à ex-companheira postar no Facebook...resta a nós lamentar, e, sempre, sempre, pensar no que estamos fazendo no nosso dia-a-dia...

A foto (publicada do G1). Da série "morro e não vejo de tudo".


quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Vacina contra Meningite B - Postado por Jairo Len

Para não dizer que sempre temos más notícias em saúde, segue uma excelente:
A primeira vacina contra MENINGITE MENINGOCÓCICA tipo B foi aprovada para uso nos Estados Unidos - e já está em uso por lá.
A Trumenba, fabricada pela Pfizer/Wyeth Pharmaceuticals, é a primeira vacina eficaz contra esse meningococo - uma das bactérias mais importantes na causa de meningite bacteriana.
A Trumenba, por enquanto, está aprovada para uso entre 10 e 25 anos de idade, e está sendo aplicada aplicada em 3 doses (0-2-6 meses).

Atualmente temos já vacina contra os demais meningococos (A, C, W e Y), que representam, mundialmente, cerca de 70% das meningites bacterianas.

No Brasil ainda não há previsão de aprovação e chegada da vacina, infelizmente... A aprovação depende da nossa agencia reguladora de saúde, a ANVISA, que cada um de nós imaginamos como funciona...

A meu ver, esta vacina é a mais importante que ainda falta no calendário vacinal, sem dúvidas.